Fatores que levam seu site ao topo das buscas

Por mais que empresas e pessoas queiram ser vistas e citadas em redes sociais, todo negócio quer aparecer no topo das buscas para o Google, especialmente para aqueles termos relacionados à sua atividade.

Isso não ocorre por acaso. Afinal, redes sociais não funcionam como marketing para todo tipo de negócio. As redes sociais, por maiores e mais prominentes que sejam, apresentam usuários em, vamos definir aqui, "estados mentais" específicos, que não favorecem todo tipo de negócio.

O usuário de Facebook, por exemplo, em sua maioria, acessa a rede em momentos de folga, com uma preocupação maior de acompanhar as atualizações de seus amigos e família. Logo, atenção reduzida a propaganda e propostas de compra, a menos que seu produto ou serviço envolva happy hour ou atividade com amigos.

O Twitter é dominado por comunicadores, por pessoas que querem espalhar alguma mensagem, arregimentar seguidores. Portanto, é uma boa ferramenta de construção de relações públicas. Mas não para vender, a menos que seu produto seja orientado para este público ou que você atinja aquela parcela minoritária da plataforma que não se encaixa neste perfil.

O Linkedin é uma rede profissional, com pessoas querendo promover seus perfis ou acompanhar novidades que melhorem sua posição como executivo, em sua maioria. Ou seja, o produto ou serviço deve ser orientado, principalmente, ao aprimoramento profissional ou melhorias para o ambiente corporativo.

Leia também:  O que é um relatório Closed Loop?

Compare esses perfis ao usuário de um buscador, que está efetivamente buscando uma informação ou produto, muitas vezes para compra. O usuário é o mesmo que acessa Facebook, Twitter ou Linkedin, mas seu "estado mental" está mais orientado para a concretização de uma ação. Não é por acaso que a busca funciona bem para virtualmente todos os tipos de negócio, praticamente sem exceção.

Mas será mesmo que podemos negligenciar as redes sociais? Uma presença mais forte nesses meios não ajudaria o site a ter um bom desempenho nas buscas também?

Os dados do Relatório SearchMetrics de 2014 sugerem que sim. Os principais fatores colhidos a partir da análise de 10.000 palavras chave muito concorridas no Google do Reino Unido mostram que Google+, compartilhamentos por Facebook e números totais de engajamento na mesma rede (o que inclui curtidas e comentários) são as três principais características de sites que aparecem bem nas buscas. Links, embora sejam ainda um fator muito importante, aparecem somente em quarto lugar. Embora a SearchMetrics seja cautelosa em atribuir uma relação de causalidade entre engajamento social e rankings, os dados e experiência da Conteúdo sob Demanda sugerem que, sim, sinais sociais surtem efeito nas posições de busca.

É notável, no relatório, o quão pouco interfere nos rankings o número de caracteres e o número de palavras do conteúdo (abaixo de várias métricas referentes a links). Isso corrobora a maneira como a Conteúdo sob Demanda se propõe a trabalhar. Como a própria SearchMetrics enfatiza, o conteúdo deve ser longo, mas não adianta fazer um e-book ou uma monografia em todas as páginas de seu site, a menos que se justifique para o público que será atingido e, até mesmo, para os termos em que se deseja aparecer. A Conteúdo sob Demanda propõe textos mais curtos para notícias ou aspectos muito específicos (pouco mais de 300 palavras) e conteúdo mais longo (1.000, 2.000 ou mais palavras, envolvendo imagens e vídeos) quando identificamos que um texto do tipo "guia" ou uma cópia de venda mais longa funcionará melhor para aquele usuário.

Leia também:  Dicas para reduzir a taxa de rejeição

O que é necessário, de qualquer forma, é que o conteúdo seja original, de qualidade, e engajador. O texto precisa gerar "buzz", precisa gerar engajamento em redes sociais, precisa ser compartilhável.

Não se deve, portanto, ignorar o papel das redes sociais para aparecer bem no Google, o que não significa priorizar vendas através destes canais. Recomendamos uma estratégia holística, que leve em consideração o conjunto que faz com que um site seja visto como referência, o que inclui citações de veículos importantes, links de qualidade e engajamento em redes sociais.

Abaixo, os fatores. Para maiores detalhes, visite a página da SearchMetrics.

ranking-factors-uk-overview

Quer melhorar os seus resultados digitais? Peça um orçamento gratuito!

NOME*

E-MAIL*

TELEFONE

MENSAGEM

Please leave this field empty.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Você precisa esatr Logado para postar um comentário.