Phablets serão o principal dispositivo para web em 2017

Estudo da Flurry demonstra: os phablets (smartphones com telas entre 5.5 e 7 polegadas) estão crescendo rapidamente no consumo de mídia no mundo todo. E tudo indica que, já no primeiro trimestre de 2017, serão responsáveis por mais da metade das visualizações na internet.

Somente em 2015, o crescimento em visualizações de aplicativos foi de 58%. Os setores com maior crescimento foram notícias e revistas, com 135%, personalização, com 332%, e produtividade com 125%.

O destaque é crescimento de visualizações com phablets. Nada menos que 721% para notícias e revistas em geral, com um crescimento de 334% no tempo gasto online neste tipo de dispositivo. Em 2017, tais dispositivos serão mais de 50% do mercado de dispositivos móveis.

O interessante é que tablets pequenos vêm mantendo cerca de 9% do mercado de móveis, algo que não deve mudar até 2018. Os maiores perdedores serão, sem dúvida, os smartphones com telas pequenas e os grandes tablets, com tela de 10” ou mais, que tendem a desaparecer.

Com imagens da Flurry.

Conclusão

Não surpreende. Um dos problemas para o uso de smartphones para leitura e visualização de mídia é sua tela pequena, além da lentidão de muitos processadores atuais. Nos phablets, no entanto, fica muito mais confortável ler e se atualizar por estes dispositivos, com a vantagem de que se pode carregar tais dispositivos no bolso. São os dados confirmando aquilo que concluímos intuitivamente, com evidências anedóticas.

Leia também:  O que é o marketing de relacionamento?

A introdução dos smartphones é um divisor de águas para qualquer um que trabalha com internet. Tudo está mudando. De hábitos de pesquisa a consumo, as pessoas agora passam mais tempo conectadas e de qualquer lugar.

No entanto, a transformação ainda não está completa, consolidada. Pouca gente ainda compra pelo celular. Poucos pagamentos são feitos por este tipo dispositivo. As pessoas ainda leem textos longos ou escrevem em seus notebooks - que, por sua vez, são justamente o tipo de dispositivo que ultrapassou os desktops no final da década passada.

A popularização dos phablets tende a mudar tudo. Com telas maiores e processadores mais rápidos, que possibilitam ambientes mais confortáveis para preenchimento de formulários (por voz), escrita de texto e novas soluções de pagamentos mais amigáveis aos smartphones, tudo indica que a previsão do Gartner (tema de artigo futuro) de que 50% dos pagamentos online serão feitos por dispositivos móveis em 2018 se concretizará.

Quer melhorar os seus resultados digitais? Peça um orçamento gratuito!

NOME*

E-MAIL*

TELEFONE

MENSAGEM

Please leave this field empty.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Você precisa esatr Logado para postar um comentário.